Nesta terça-feira (2), o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que a reforma da Previdência não terá mudanças nas regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e na aposentadoria rural.

De acordo com Maia, as mudanças para os beneficiários e os trabalhadores rurais não passariam pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Mas, como a CCJ verifica apenas se a proposta fere termos constitucionais, a tarefa de tirar os dois itens da reforma deve caber à Comissão Especial que debaterá o tema.

Ainda conforme o presidente da Câmara, outras questões devem ser debatidas na ocasião, como a necessidade ou não de transição para servidores públicos que começaram a trabalhar antes de 2003, a constitucionalidade  das alíquotas, e, além disso, do regime de aposentadoria especial para professores. Radar

COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário