Questionado sobre a possibilidade de seu correligionário, o senador Jaques Wagner, sair candidato ao governo para sucedê-lo em 2022 para prolongar a hegemonia do PT no Estado, o governador Rui Costa (PT) foi taxativo ao afirmar não querer falar sobre eleições e disparou se tratar de ‘muita futurologia para o seu gosto’.
“Tem muita água para passar debaixo da ponte. Esse ano é um ano que não tem eleição, é de governar e, embora nem tenha terminado o meu primeiro ano de governo, me sinto no ultimo ano”, disse, reforçando que só falará sobre a disputa municipal no ano que vem e sobre o pleito estadual um ano antes também.
“Não vou antecipar as disputas, não costumo fazer isso”, concluiu.
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Ex-vereador e Ex-presidente da Câmara de Vereadores de Jacobina, Carlos de Deus é formado em Administração de Empresas pela Universidade Norte do Paraná. Diretor-presidente do jornal Tribuna Regional e do site TrAgora.

Deixe Um Comentário


Desenbahia
BAN-728-X90-PX-mulher