Líder do PSL na Câmara dos Deputados, Eduardo Bolsonaro questionou, nas redes sociais, sobre os supostos ataques da deputada federal Dayane Pimentel (PSL) ao presidente Jair Bolsonaro (PSL).
Na publicação, Eduardo sugere que um perfil no Twitter, que era pró-Bolsonaro e mudou de posição, pertenceria a parlamentar baiana. “Essa página é da professora Dayane ou de alguém ligado a ela? Porque do nada passou a atacar”, afirmou o filho do presidente.
A página tinha o nome de “Jair Bolsonaro da Bahia” e foi alterada para “Jair Bolsonaro do sistema”. Dayane nunca disse publicamente que rompeu com o chefe do Palácio do Planalto, mas tem sinalizado que quebrou os laços com Bolsonaro ao se posicionar a favor das posições do presidente nacional do PSL, Luciano Bivar.
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Desenbahia
BAN-728-X90-PX-mulher