Presidente do Bahia, Guilherme Bellintani é notícia toda semana. E o assunto é praticamente o mesmo: uma possível candidatura a prefeito de Salvador. Outro tema debatido à exaustão, mas que também tem relação com o pleito municipal, é em qual legenda ele pretende se filiar, caso coloque o seu nome na disputa para suceder ACM Neto (DEM). Ambas as respostas estão na ponta da língua. Ele adotou o discurso de “foco no clube” e sai pela tangente. Agora, outra questão tem sido levantada: reeleição no Esquadrão. Bellintani tem mandato até 2020. E o argumento dele não foi diferente.
“Eu não penso porque estou no meio do meu mandato. Seria desonesto com os sócios e com os torcedores falar em alongar mandato. Não tenho que falar disso agora. Tenho que trabalhar no meu foco, que administrar bem o Bahia e entregar melhor do que recebi. Esse é meu propósito”, disse em entrevista ao Bahia Notícias.
Atualmente, Bellintani é cortejado por diversas correntes políticas. Várias legendas já sondaram o mandatário Tricolor (relembre aqui). Porém, ele ainda terá muito tempo para decidir, caso tenha interesse em se candidatar a prefeito de Salvador. O prazo de filiação partidária expira em abril do ano que vem.
Bellintani foi eleito presidente do Bahia em dezembro de 2017 e obteve um triunfo acachapante: 81,45% dos votos (3.617).
Bahia Notícias
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Desenbahia
BAN-728-X90-PX-mulher