Após assumir a liderança do PSL na Câmara nesta segunda-feira (21), o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) destituiu 12 vice-líderes da legenda na Casa. Uma das retiradas do posto foi a deputada baiana Dayane Pimentel.

Pela manhã, o ex-líder do partido na Câmara, Delegado Waldir (GO) anunciou a saída do cargo. Ele havia sido apoiado pela parlamentar da Bahia numa articulação, composta pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), que culminou na alçada do seu filho ao cardo de líder da legenda.

No último sábado (19), ela entrou em rota de colisão com o filho do chefe de Estado numa discussão no Twitter. Eduardo acusou Dayane de obstruir projetos do governo. Ela, por sua vez, rebateu o colega de partido e disse não ter medo, mas opiniões formadas.

COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Desenbahia
BAN-728-X90-PX-mulher