Um trágico acidente de trânsito ocorrido na sinaleira próximo à ponte Francisco Rocha Pires, mo início da manhã desta sexta-feira (29), tirou a vida do guarda municipal Adriano Vieira Barbosa, de 44 anos de idade. Conforme informações, a vítima bateu a moto que pilotava em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), quando esta invadiu o sinal fechado.

Adriano chegou a ser socorrido pela própria viatura da saúde envolvida no acidente, mas já chegou sem vida na emergência do Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho. O corpo do guarda Vieira, como era identificado na corporação que trabalhava, foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Jacobina e em seguida liberado para sepultamento que acontece na manhã deste sábado (30).

A morte de Adriano causou uma grande comoção na população jacobinense. Bastante conhecido na cidade, ele era bem quisto por todos que o conhecia. Evangélico, casado e pai de um filho, sempre foi elogiado pelo seu comportamento calmo e exemplar.

“O veículo que tem o objetivo de socorrer e salvar vidas infelizmente tirou a vida de um jovem trabalhador, pai de família que seguia para a sua labuta diária”, lamentou um colega de trabalho.

Em nota de pesar, o Serviço Municipal de Tráfego e Transportes (SMTT), lamentou a morte de Adriano. “O Serviço Municipal de Tráfego e Transportes – SMTT, através de seu diretor, Walter Veloso, lamenta profundamente pela trágica perda do GCM Vieira, um irmão da Guarda Civil Municipal de Jacobina. Pouco pode ser dito ou feito perante o único adeus que é definitivo e, nestas horas, sobram as palavras. Muito respeitosamente, prestamos as nossas condolências à sua família, amigos e irmãos de farda, e deixamos os nossos mais sinceros pêsames. A Deus pedimos que dê ao nosso amigo o merecido repouso eterno”.

COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário