Por conta da falta de acordo entre os sindicatos dos comerciários e dos Lojistas (Sindilojas), o Tribunal Regional do Trabalhou da 5ª Região (TRT5) proibiu o funcionamento do comércio de Salvador nos feriados.

De acordo com o TRT5, o Sindicato dos comerciários ingressou com a reclamação trabalhista, buscando não haver exigência de trabalho dos empregados do comércio para fins de funcionamento de lojas e unidades administrativas aos domingos e feriados.

O Tribunal Regional do Trabalho julgou procedente o pedido. Até que sobrevenha nova convenção coletiva de trabalho, determinou a proibição de se exigir trabalho dos empregados do comércio para fins de funcionamento dos estabelecimentos durante os feriados, compreendendo-se aqueles decorrentes da legislação nacional, estadual e municipal, e aos domingos, excepcionado aqueles autorizados pela legislação municipal.

COMPARTILHE

Sobre o Autor

*Atuou como Repórter nos jornais O Paraguaçu (Itaberaba/BA), Primeira Página (Jacobina/BA) e Oeste Hoje (LEM/BA). Sites: Camaçari Fatos e Fotos e Nossa Metrópole (Camaçari/BA). Atualmente, edita o portal TRagora e é Repórter do jornal Tribuna Regional.

Deixe Um Comentário