Depois de detectar um caso de suspeita de sarampo em Jacobina, a Secretaria Municipal da Saúde deu início a uma ação de bloqueio contra a doença no município. O caso suspeito está sendo investigado pelo Laboratório Central de Saúde Pública – LACEN -, em Salvador.

A Prefeitura de Jacobina solicita que população não vacinada, procure os postos de saúde para receber a tríplice viral, que é indicada para crianças a partir de um ano e adultos que não foram vacinados na infância. Não é indicada para gestantes e indivíduos imunossuprimidos, ou seja, com o sistema imunológico afetado.

Segundo a secretaria de Saúde, quando existe uma suspeita de doença, há uma investigação sobre os dados clínicos e deslocamentos do paciente, que é orientado a se isolar para evitar o contágio de outros.

O sarampo é uma doença grave e contagiosa que pode ser transmitida por meio do contato direto com a secreção da pessoa infectada ou pelo ar. Os sintomas são febre alta, tosse, coriza, manchas avermelhadas na pele e manchas brancas no interior das bochechas.

Jacobina 24Horas

COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ