Os senadores baianos Otto Alencar e Angelo Coronel, ambos do PSD, acreditam que o baiano Augusto Aras, indicado por Jair Bolsonaro para a Procuradoria-Geral da República, irá ser aprovado no Senado, tanto na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), quanto no Plenário.
Os dois integram a CCJ, que irá sabatinar o novo indicado ao cargo, após envio da decisão à Casa.
“Passa tranquilamente, de letra, voando na CCJ e no Plenario também. Sem dúvida alguma”, afirmou Otto na noite desta quinta-feira (5), após divulgação da indicação do presidente.
Segundo o líder do PSD na Casa, Aras é um nome qualificado. “Com uma história de trabalho no Ministério Público de relevante valor pro Brasil, um homem que tem notório conhecimento da Legislação, muito firme na sua decisão, muito equilibrado. Creio que ele vai prestar um grande serviço ao Brasil”, disse.
Coronel avaliou que a indicação de Aras para a PGR deve ter sido a atitude mais responsável do presidente da República. “A indicação de Augusto Aras pra ser procurador da República talvez seja o ato mais responsável do presidente da República até então. Ele vai colocar uma pessoa que tem experiência, serena, que, com certeza, vai colocar o país com mais paz”, acredita.
BNews
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Ex-vereador e Ex-presidente da Câmara de Vereadores de Jacobina, Carlos de Deus é formado em Administração de Empresas pela Universidade Norte do Paraná. Diretor-presidente do jornal Tribuna Regional e do site TrAgora.

Deixe Um Comentário


Desenbahia
BAN-728-X90-PX-mulher