Hoje certamente Jacobina e quiçá a Bahia está de luto, pois o pastor Márcio Ramos nos deixou. Lamentamos muito a partida do nosso amigo, ainda que saibamos muito bem para onde ele foi, foi para as mansões celestiais, hoje mora com o Eterno, para sempre.
Márcio era um amigo, amigo de conversas e de trocas de experiências de ministério pastoral, um verdadeiro amigo.

Quando cheguei a Jacobina ele já havia cuidado da igreja que fui pastor, esteve por várias vezes ministrando a Palavra de Deus e também a ceia para aquela igreja. Márcio era um homem sério, comprometido com a verdadeira pregação do evangelho de Cristo, era um pastor de almas, um homem que gostava de gente, inteligente, sempre pensando no desenvolvimento das ovelhas de Cristo, na Igreja Batista Filadélfia, inovou o ministério sem perder a essência dos princípios bíblicos, levou seu rebanho a investir vida no discipulado, era um homem visionário em missões, com abertura de trabalhos em várias partes da região noroeste da Bahia e até no exterior, ao lado da sua esposa Urania, com a dedicação do filho Breno, essa família levou para Jacobina a graça e a mansidão do Espírito Santo sobre tudo pelo modo como Márcio sorria.
Márcio falava com ternura e mansidão, bastava vê-lo sorrindo com aquele sorriso largo e cheio de ternura. Para mim fica um grande exemplo, de um homem comprometido com as coisas de Deus, um pastor que tive a honra de compartilhar o púlpito, de recebê-lo em minha casa, de almoçar em sua casa, de viajar juntos, de sorrir juntos, de orar juntos e até de chorar juntos, mas, sobretudo de caminhar juntos.
Hoje mesmo eu morando distante, ainda assim nunca deixamos de nos falar, mas estou certo de que o céu não tão distante, pois ele apenas foi primeiro, o céu é nosso lugar é o lugar dos salvos em Cristo. E Márcio é um salvo com certeza, era um homem de Deus, cheio de amor de graça e de verdade, era tão gracioso que hoje o Eterno decidiu leva-lo para junto Dele.
Eu entendo que a bíblia nos ensina que o céu é bem melhor que a terra, mas nós vamos sentir saudades de você meu amigo. Eu vou sentir muitas, muitas saudades. Seu sorriso largo e terno ficará para sempre em minha memória.

Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do Senhor por longos dias.
Salmos 23.6

COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário