Menu

Marina Silva se compromete com reforma política

TRagora 6 anos atrás

Após ser alvo nas redes sociais, a candidata da Rede, Marina Silva, disse ontem, esperar que a sociedade denuncie os ataques da forma que puderem. Para ela, se as tentativas de “reeditar a violência”, que sofreu das campanhas adversárias em 2014, continuarem, o País vai para “um poço sem fundo”. O jornal O Estado de S. Paulo noticiou no domingo que a equipe da presidenciável acionou o Facebook após comentários em sua página que a associavam ao número do candidato do PSL, Jair Bolsonaro.

“A tentativa de reeditar a violência, a intimidação, enfim, a tragédia que nos trouxe para o fundo do poço, e se isso se repetir, vamos para um poço sem fundo”, disse a candidata, após assinar manifesto do Pacto pela Democracia. “Nós temos o compromisso de fazer uma campanha limpa, democrática, sem fazer o uso de fazer robôs pra fazer difamações (…). Esses ataques, eu espero que sejam denunciados por quem pode denunciar”, completou.

A candidata da Rede assinou hoje o manifesto em defesa da democracia, com o compromisso de realizar reforma política, caso eleita. Questionada sobre se há nomes na disputa que possam pôr em risco a democracia, ela respondeu que “os que têm saudosismo em relação a ditadura, com certeza preocupam, os que fizeram uso do caixa 2 também preocupam”.

Fonte: Tribuna da Bahia

- Anúncio -
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

- Anúncio -