Menu

Mais de 7 milhões de jovens brasileiros não estudam nem trabalham, diz Ministério do Trabalho

TRagora 4 semanas atrás

Um diagnóstico inédito feito pela Subsecretária de Estatísticas e Estudos do Ministério do Trabalho mostra que ao menos 7,1 milhões de jovens entre 14 e 24 anos no Brasil não trabalham, nem estudam, são os chamados “nem-nem”.

Cerca de 60% desse grupo são mulheres, a maioria com filhos pequenos. Pelo menos 68% são pretos e pardos.

O levantamento mostrou ainda que 38% das jovens desocupadas e 46% dos desocupados não concluíram o ensino médio.
Das 9,5 milhões de pessoas desocupadas no Brasil, 55% são jovens entre 14 e 24 anos.

Para a superintendente nacional de Operações e Atendimento do Centro de Integração Empresa-escola, Mônica Vargas, acredita que, a médio e longo prazo, seria fundamental que o governo fizesse mais investimentos na educação das crianças e dos jovens.

“É importante um olhar com muita política pública para juventude de 14 e 24 anos. Aí a gente teria vários recortes: os negros, as mulheres, os nem-nens – aqueles que só estudam, mas precisam de um trabalho para se manter estudando. (…) Existiria a necessidade de uma série de políticas públicas para incentivar que a nossa juventude tenha uma possibilidade de futuro”, relata Mônica.

- Anúncio -
- Anúncio -