Menu

Jornalista pede demissão ao vivo, após ser ‘censurado’ por Bolsonaro

TRagora 6 anos atrás

O jornalista Juremir Machado protagonizou uma cena inesperada na manhã desta terça-feira (23). Juremir pediu demissão após ser censurado pelo candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro.

O caso aconteceu durante o programa ‘Bom dia’, da Rádio Guaíba, no Rio Grande do Sul. O pedido de demissão foi feito após os comentaristas presentes na mesa, entre eles Jurandir, serem proibidos de fazer perguntas ao candidato.

Segundo o próprio apresentador do programa, Rogério Mendelski, o silêncio dos comentaristas foi uma condição imposta pelo capitão, para a realização da entrevista.

“Nós podemos dizer que o candidato nos censurou?”, perguntou Juremir a Mendelski, após o âncora ter revelado para ouvintes e internautas que acompanhavam uma transmissão ao vivo do programa, o motivo do silêncio da mesa. “Eu achei humilhante e por isso estou saindo do programa, foi um prazer trabalhar aqui por 10 anos”, disse o jornalista, deixando o estúdio.

Fonte:RadarBahia

- Anúncio -
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

- Anúncio -