De acordo com informações publicadas pelo blog Jacobina 24 Horas, do radialista João Batista Ferreira, em 60 dias, contados a partir da publicação do decreto, ocorrida nesta terça-feira (21), todo o processo de desapropriação do Hospital Regional estará concluído, podendo a reabertura oficial acontecer durante as festividades de comemoração do aniversário da cidade, no dia 28 de julho.

O prefeito Luciano Pinheiro assegurou que o processo de desapropriação acontece de forma amigável entre as partes, ou seja, a Prefeitura de Jacobina e a Associação Jacobinense de Assistência (AJA), entidade mantenedora do Hospital Regional, desde sua fundação em 1964.

Leia também>>>Hospital Regional é desapropriado pelo Município; prefeito deve cumprir promessa de campanha

Segundo Luciano Pinheiro, as tratativas visando a reabertura do Hospital Regional vinham sendo conduzidas pelo setor jurídico da prefeitura junto à direção da AJA.

O processo também está sendo acompanhado pela Justiça, que terá papel decisivo na mediação de acordos para equacionar as ações trabalhistas movidas por ex-funcionários do hospital.

O prefeito Luciano Pinheiro não quis antecipar os valores da desapropriação, que estão sendo levantados pela Justiça, mas o Jacobina 24 Horas apurou que, em relação ao passivo, juntando as ações em curso com as rescisões dos trabalhadores que ainda mantém vínculo funcional com o hospital, a dívida da AJA deverá superar os 2 milhões de reais.

COMPARTILHE

Sobre o Autor

*Atuou como Repórter nos jornais O Paraguaçu (Itaberaba/BA), Primeira Página (Jacobina/BA) e Oeste Hoje (LEM/BA). Sites: Camaçari Fatos e Fotos e Nossa Metrópole (Camaçari/BA). Atualmente, edita o portal TRagora e é Repórter do jornal Tribuna Regional.

Deixe Um Comentário