Em decreto publicado na edição 499, de sexta-feira, 22 de maio, do Diário Oficial do Município, o prefeito de Jacobina, Luciano Pinheiro fez algumas alterações na redação do documento anterior, que trata das ações referentes às medidas contra a disseminação do coronavírus na cidade. O prazo para a reabertura de todos os estabelecimentos comerciais que venceria neste sábado (23), foi prorrogado para o próximo dia 29 e atividades como academia de ginástica poderão funcionar após 15 dias a partir da data do novo decreto e não 30 dias como constava no anterior.
Enquanto serviços como oficina mecânica, auto-peças, supermercados, distribuidoras de gás e água mineral e da cadeia da construção civil estão autorizados a funcionar, lojas de calçados, roupas e eletrodomésticos, assim como lanchonetes, trailers e comércio ambulante continuam com suas atividades suspensas.
O principal motivo alegado pelo Executivo Municipal para a renovação da lei é o agravamento da situação epidemiológica e casos confirmados de Covid-19 no município. Conforme Boletim Informativo ‘Jacobina Contra o Coronavírus’, atualizado no final da manhã deste sábado, dos 528 casos suspeitos, 35 foram confirmados como positivos até o momento e 5 seguem aguardando resultados por parte do Laboratório Central da Bahia (Lacen).
Como mais uma medida para manter o isolamento social e evitar aglomerações, a Prefeitura de Jacobina irá acompanhar o Decreto do Governo do Estado que antecipou o feriado do São João (24 de junho) e da Independência da Bahia (2 de julho), para esta segunda (25 de maio) e terça-feira (26), respectivamente. Todos os órgãos públicos, repartições, bancos e o comércio em geral no município estarão fechados nestes dois dias, inclusive os serviços considerados essenciais.
Fonte: Notícia Limpa
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário