O governo federal autorizou a nomeação de mil candidatos aprovados no concurso público da Polícia Rodoviária Federal, sendo 500 aprovados e classificados dentro do quantitativo de vagas originalmente previsto para pronto provimento e 500 aprovados e não classificados dentro do quantitativo de vagas originalmente previsto no edital do certame, conforme o decreto publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira (4). Segundo o documento assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e pelos ministros Sérgio Moro, da Justiça e Segurança Pública, e Paulo Guedes, da Economia, o provimento dos cargos ficará condicionado à existência de vagas na data da nomeação. NSL

COMPARTILHE

Sobre o Autor

*Atuou como Repórter nos jornais O Paraguaçu (Itaberaba/BA), Primeira Página (Jacobina/BA) e Oeste Hoje (LEM/BA). Sites: Camaçari Fatos e Fotos e Nossa Metrópole (Camaçari/BA). Atualmente, edita o portal TRagora e é Repórter do jornal Tribuna Regional.

Deixe Um Comentário