Menu

Doze meninos e o técnico de futebol são retirados de caverna após três dias de resgate na Tailândia

TRagora 6 anos atrás

Todas as 13 pessoas que estavam na caverna Tham Luang, no norte da Tailândia, foram retiradas com apoio de dezenas de mergulhadores. Os últimos quatro meninos e o técnico do time de futebol saíram do local nesta terça-feira (10), o terceiro dia de resgate e o mais desafiador, porque chovia e havia mais pessoas a serem resgatadas.

“Não temos certeza se isso é um milagre, uma ciência ou o que é. Todos os 13 Javalis [nome do time de futebol] agora estão fora da caverna”, comemorou a Marinha tailandesa em post no Facebook.

 

Entenda o caso

– 12 meninos, entre 11 e 16 anos, e o técnico entraram na caverna no dia 23 de junho, para se proteger do mau tempo. A chuva ficou intensa e a água subiu muito rápido. Eles ficaram isolados e sem comida por 9 dias. Foram encontrados no dia 2 de julho, debilitados e com muita fome, a 4 km da entrada da caverna.

– Resgate durou 3 dias: começou no domingo (8) e terminou na terça (10). Cada menino foi conduzido por pelo menos 2 mergulhadores e usou máscara facial de oxigênio.

– 4 garotos foram retirados por dia e, no último dia de resgate, o técnico também foi tirado da caverna.

– O percurso do ponto onde estavam até a entrada da caverna dura 6 horas. Eles estavam em um trecho que tem entre 800 m e 1 km de profundidade. Vários trechos são muito estreitos, com água turva e baixa visibilidade.

– 90 mergulhadores participaram do resgate: 50 estrangeiros e 40 tailandeses. Ao todo, mais de mil pessoas fizeram parte dos trabalhos.

– Resgatados foram levados de helicóptero para hospital, onde vão ficar em quarentena e observação.

Voluntários comemoram retirada de meninos e do técnico na caverna Tham Luang, no norte da Tailândia, nesta terça-feira (10).

.

G1

- Anúncio -
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

- Anúncio -