O BNDES aprovou o financiamento de R$ 1,2 bilhão da segunda fase do projeto de energia eólica de Campo Largo, nas cidades de Umburanas e Sento-Sé, no norte baiano. O investimento total da Engie é de R$ 1,6 bilhão. O projeto de 361,2 megawatts (MW) já foi iniciado e vai gerar energia suficiente para 850 mil domicílios,
Com a implantação dessa segunda fase de Campo Largo, a capacidade instalada de energia eólica ultrapassará a marca de um gigawatt (GW) na Bahia e mais de 1,2 GW na Região Nordeste.
A empresa já obteve as licenças de instalação para as 11 centrais que compõem o projeto. A entrada em operação está prevista para o início de 2021.
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário