O julgamento dos irmãos Geddel e Lúcio Vieira Lima, que já dura três semanas no Supremo Tribunal Federal (STF), foi suspenso na tarde desta terça-feira (15), após a conclusão do voto do decano Celso de Mello. O caso será retomado na próxima terça-feira (22), com a votação dos ministros restantes: Carmen Lúcia, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.
Até o momento, o placar pela condenação dos emedebistas é de dois votos a zero. O relator do julgamento, Edson Fachin e Celso de Mello votaram a favor.
O ex ministro, seu irmão e mais duas pessoas são acusados de lavagem de dinheiro e organização criminosa, no caso dos R$ 51 milhões encontrados em um apartamento em Salvador.
COMPARTILHE

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Desenbahia
BAN-728-X90-PX-mulher