Menu

Angelo Coronel vai concorrer à presidência do Senado sem apoio do PSD, afirma Otto

TRagora 5 anos atrás

O senador e presidente do PSD na Bahia, Otto Alencar (BA), disse nesta sexta-feira (1°) que o senador Angelo Coronel (PSD-BA) vai disputar a presidência do Senado de forma independente, ou seja, sem apoio do próprio partido.

Segundo Otto, a sigla não fechou questão em torno do nome do ex-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). “Tive conversando com Coronel, e ele mantém a candidatura dele, vai até o final, independente. Foi o que ele me disse ontem à noite”, afirmou o senador, em entrevista durante a posse dos 513 deputados federais eleitos, em Brasília.

O parlamentar disse, ainda, que lideranças do partido se reunirão nesta tarde, às 13h30, para discutir como vai se posicionar na disputa. A tendência é que a sigla libere os senadores para votar como quiser, algo que o próprio Otto defenderá no encontro.

Apesar de falta de apoio a Coronel, Otto garantiu que votará no correligionário. “Minha palavra está empenhada, mesmo com as dificuldades que enxergamos na possibilidade de ele chegar a vencer”, justificou, mesmo reconhecendo que as chances do senador chegar à presidência são remotas.

 

Indicação para Sedur
Diante da recusa dos deputados federais Charles Fernandes (PSD) e Sérgio Britto (PSD) em assumir o comando da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Otto disse que está pensando em outros nomes para apresentar ao governador. “Ainda não há um nome, mas vou conversar sobre isso com o governador”, disse.

 

 

 

BNews

- Anúncio -
Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

- Anúncio -